Interesses Profissionais e Personalidade: análise correlacional a partir do ATPH e BFP

Este estudo objetivou explorar as relações entre interesses profissionais quando avaliado pelo modelo de Holland (RIASEC) e fatores de personalidade (Neuroticismo, Abertura, Realização, Extroversão e Socialização). Participaram 122 estudantes da primeira série do Ensino Médio, com idade entre 14 a 1...

Descripción completa

Autores Principales: Porto Noronha, Ana Paula, Murgo Mansão, Camélia Santina, Nunes, Maiana Farias Oliveira
Formato: Artículo
Idioma: Español
Publicado: 2015
Acceso en línea: http://revistas.ucr.ac.cr/index.php/actualidades/article/view/2167
http://hdl.handle.net/10669/12668
Sumario: Este estudo objetivou explorar as relações entre interesses profissionais quando avaliado pelo modelo de Holland (RIASEC) e fatores de personalidade (Neuroticismo, Abertura, Realização, Extroversão e Socialização). Participaram 122 estudantes da primeira série do Ensino Médio, com idade entre 14 a 18 anos, sendo a maioria mulher (52%). Aplicou-se os instrumentos ATPH – Avaliação dos Tipos Profissionais de Holland e BFP – Bateria Fatorial de Personalidade. Foram encontradas associações significativas entre o fator Abertura e o tipo Artístico, bem como entre o fator Realização e os tipos Social e Empreendedor e o fator Socialização com o tipo Social. O fator Neuroticismo não mostrou associações significativas com as tipologias. Considerando-se os padrões de associação entre os construtos, discute-se a aplicabilidade para intervenções em Orientação Profissional.